Comissão de Psicologia e Relações de Gênero

Objetivos:

Objetivo Geral

Contribuir com o trabalho do CRP 10 PA/AP no que tange a fomentar a discussão sobre a atuação da Psicologia e o tema gênero, enquanto categoria de análise atuação profissional tendo como base a perspectiva a ética e a laicidade.

 

Objetivos Específicos

  1. Tornar disponível à categoria, no site do CRP10, divulgação das pesquisas, artigos e materiais científicos e reflexões de movimentose organizações de mulheres e feministas sobre o tema gênero e feminismo e temas afins os objetivos da comissão;
  2. Promover a ampliação das discussões acerca da Sexualidade e GÊNERO no âmbito do CRP PA/AP, bem como a atuação política do mesmo junto às políticas públicas e ao movimento social envolvido com a temática dos direitos sexuais e direitos reprodutivos – DSDR;
  3. Fomentar junto a categoria discussões e produção de referência da atuação profissional frente a situações de violência contra mulher, incluindo o aborto inseguro;
  4. Disponibilizar no site do CRP marcos legais de interesse da categoria e por especialidade;
  5. Divulgação do trabalho da(o) psicóloga(o) para a sociedade, por meio de vídeos, folders, eventos , revistas e etc.
  6. Realizar o mapeamento de profissionais de acordo com a sua área de atuaçãoque trabalham no âmbito da formação e atuação com a temática de gênero ;
  7. Manter e ampliar a oferta de minicursos;
  8. Estabelecer cineclubes ou relações com os locais já existentes para debater temáticas da Psicologia na relação com o cinemae gênero;
  9. Intensificar o debate sobre direitos humanos, sociais, educacionais, culturaise ambientais das mulheres na perspectiva da Plataforma DESCHA com a categoria;
  10. Promoções de discussões éticas, técnicas e políticas em relação à intervenção da(o) psicóloga(o) frente à integralidade da saúde da mulher na perspectiva dos Direitos sexuais e Direitos reprodutivos e na interseção com raça, etnia, classe, geração, orientação sexual e identidade de gênero;
  11. Continuar a contribuir com o enfrentamento da lesbotransfobia e do preconceito de gênero presente no âmbito da sociedade brasileira, destacando a defesa e a constante divulgação da Resolução CFP nº 01/99, que define a despatologização da orientação sexual e que a prática do psicólogo deve se pautar por essa diretriz.
  12. Promover uma aproximação do CRP10 com coletivos culturais, outros conselhos de classe e de direitos municipais e estaduais para ações conjuntas;
  13. Promover ações conjuntas com outras comissões e grupos do CRP 10 e CFP;
  14. Buscar parcerias para realizar pesquisas; atualizar e reproduzir pesquisas e referências técnicas que levem em conta a dimensão de gênero;
  15. Manter a Plenária ciente de suas ações através da presença da Coordenação (ou representante) ou Presidência (ou representante) de Comissão em reunião plenária a cada 04 (quatro) meses para apresentação e avaliação de relatórios.

Presidente

Eunice Guedes (CRP10/873)  – (Psicóloga)

Vice-Presidente

Bárbara Sordi (CRP10/2966) – (Psicóloga)

Membros:

Eveny da Rocha Teixeira (CRP10/1519) – (Psicóloga)

Anna Beatriz Alves Lopes (CRP10/5426) – (Psicóloga)

Jureuda Duarte Guerra (CRP10/1135) – (Conselheira Federal)

Sandra Brandão (CRP10/541) – (Psicóloga)